PcComponentes
Minha Conta

Isto é o que deves ter no teu setup de SimRacing perfeito

O que deves comprar para desfrutar de um simulador de corridas? É uma pergunta que não tem uma resposta simples ou única, porque tudo depende se és um principiante ou procuras ser um Pro. Sejas o jogador que fores, vou contar-te o que deve ter no teu setup perfeito de simracing.

O que deves ter no teu setupo de simulação de corridas?

Eu também já me fiz esta pergunta várias vezes: o que deve ter o meu setup para emular o Fernando Alonso da melhor maneira possível? É difícil dar uma resposta fechada a isso, porque tens que considerar muitas questões: espaço disponível, dinheiro que estás disposto a gastar, plataformas em que queres jogar, nível de imersão que desejas alcançar... Não é algo que vais decidir em cinco minutos, acredita. 

Com base na experiência e conhecimento que tenho em SimRacing, como amante desta disciplina nos videojogos, venho tentar esclarecer um pouco esta questão. Por isso, não quis deixar ninguém de fora e dividi este artigo em três secções: setups de simulação de corridas para iniciantes, para jogadores com experiência e para aqueles que procuram ter sensações muito semelhantes às dos pilotos reais, que também treinam assim. 

Há elementos básicos que deves ter, sem dúvida: uma consola ou um PC Gaming, pelo menos um ecrã que suporte os 60 FPS, um volante (aqui indico quais são os melhores) e pedais, e claro, videojogos. Mas, dependendo do teu nível e do que procuras, o que precisas em cada uma destas secções muda. Além disso, sempre há alguns extras que podes considerar, como mais periféricos ou o uso da realidade virtual. Põe o capacete e vamos à pista! 

Setup de simracing para iniciantes

Lista do equipamento que deves ter: 

  • PC ou consola, preferencialmente consola para poupar custos. 
  • Ecrã com suporte para pelo menos 1080p e 60 FPS. 
  • Volante e pedais básicos. 
  • Videojogos para principiantes: recomendados Assetto Corsa, F1 23, RaceRoom, GT7, Forza Motorsport e EA Sports WRC. 

Não vou mentir: o ideal para simulação de corridas é utilizar um PC Gaming, mas a realidade é que nos últimos anos esse requisito tem sido mais flexível. Existem bons simuladores nas consolas, como o Assetto Corsa ou o Assetto Corsa Competizione, e os títulos categorizados como "simcade" (mistura de jogos arcade e simulação) estão cada vez mais interessantes do ponto de vista da condução, como F1 23, Gran Turismo 7, Forza Motorsport ou EA Sports WRC. 

Portanto, podes começar com uma PlayStation 5 ou uma Xbox Series X|S. Isso dá-te acesso a vários dos jogos recomendados. Além disso, se estiveres interessado no GT7, o único local para jogar é na PS4 ou PS5, pelo menos por agora. Também é mais aconselhável comprar uma consola, porque um computador é sempre mais caro e, neste nível, pode ser que não saibas ao certo se a simulação de corridas é para ti. No entanto, se optares por um PC, certifica-te de que, pelo menos, consegue rodar o Assetto Corsa original sem problemas. Lembra-te, estás a começar. 

Além disso, deves ter um ecrã que suporte, no mínimo, 1080p e 60 FPS (deixo-te algumas dicas para escolher um monitor de gaming). O recomendável nos dias de hoje é 2K ou 4K em termos de resolução, mas quero facilitar-te as coisas. Quanto ao volante, a escolha é simples: Thrustmaster T128. Os pedais não são os melhores, concordo, mas é algo que podes trocar mais tarde (mesmo mantendo o volante). O T128 é o melhor em termos de relação qualidade-preço para começar neste mundo e é muito fácil fixá-lo a qualquer tipo de mesa. Não precisas de mais. 

Setup de simracing para jogadores com experiência

Lista do equipamento que deves ter: 

  • PC ou consola. 
  • Ecrã com suporte para 2K/4K e 60 FPS (ou mais). 
  • Dispositivo de realidade virtual (opcional). 
  • Volante e pedais avançados. 
  • Suporte tipo cockpit básico para volante (opcional). 
  • Mais periféricos (opcional). 
  • Videojogos mais avançados: aos da opção anterior, podemos adicionar Assetto Corsa Competizione, rFactor 2, Automobilista 2 e Richard Burns Rally (com mods). 

Neste caso, é preciso subir o nível. Continua a ser interessante jogar também na PS5 ou Xbox Series X, especialmente na primeira, porque o GT7 tem um forte seguimento em competições online e até nos eSports. Além disso, o Forza Motorsport pode ser jogado no PC. Mas, sem dúvida, aqui começa a ser imprescindível ter um bom PC Gaming. Os melhores simuladores estão no computador e terás também o melhor desempenho. 

Assim, um PC Gaming capaz de correr sem problemas o Assetto Corsa Competizione (como jogo de referência atualmente em termos gráficos e de potência) seria recomendável. E se for algo mais potente, melhor, porque o Assetto Corsa 2 está em desenvolvimento e certamente chegarão outros videojogos mais exigentes nos próximos anos, como o Rennsport. A propósito, falando de títulos, aqui podes dar o salto para o já mencionado ACC, rFactor 2, Automobilista 2 e Richard Burns Rally (com mods). 

Também é altura de dar um salto na qualidade do volante e dos pedais. Sem dúvida, pensando em comprar ambos os dispositivos num único pacote, eu recomendaria o Thrustmaster T248 ou o Logitech G923 se quiseres uma opção mais económica (eu uso o T248 e estou encantado), já que são bons volantes e têm pedais magnéticos muito interessantes. No entanto, a melhor opção é o Fanatec Gran Turismo DD Pro em conjunto com pedais (compatível com PS5/PS4 e PC, mas se mudares o aro, também será com a Xbox). 

Quanto ao ecrã, acho que já deves apostar em dispositivos com pelo menos 32” e com 2K/4K com pelo menos 60 FPS de taxa de atualização, mas a verdade é que é interessante apostar em mais (75 ou 144) se o teu PC e o teu orçamento o permitirem. Além disso, aqui podes começar a investir mais e optar, até mesmo, por ecrãs de maior valor OLED e com freesync, ou por monitores ultrawide. Se tiveres espaço e dinheiro, são uma opção fantástica para ter uma boa visão. 

No entanto, existe também a opção de experimentares a realidade virtual. Nesse caso, vais precisar de um dispositivo de RV. O Meta Quest 2 é uma boa opção e é o mais barato, mas se tiveres um computador potente e podes investir, é melhor que compres o novo Meta Quest 3, já que os seus melhores ecrãs te ajudarão na imersão e a ver tudo mais nítido. Alguns jogos compatíveis com RV são o AC Competizione e o Automobilista 2. Aliás, se jogares na PS5, podes comprar o PS VR2 e jogar o GT7 em RV, algo espetacular. 

Por último, embora não seja necessário, podes incorporar um suporte para o volante e os pedais, ou até mesmo um assento básico, para que a tua experiência seja muito fiel à realidade e ganhes em conforto e segurança. Às vezes é difícil evitar que os pedais se movam, por exemplo, e essas estruturas ajudam. Além disso, é altura de pensar em adquirir outros dispositivos, como uma caixa de mudanças H, mas é algo opcional. 

Setup de simracing para jogadores Pro 

  • PC Gaming de gama alta.
  • Três ecrãs ou RV. 
  • Volantes e pedais profissionais. 
  • Uso de cockpit. 
  • Periféricos adicionais (tablet para informações, mudanças H e mais). 
  • iRacing como plataforma principal. 

Se queres ser um profissional, um PC Gaming de topo de gama é o mais recomendável (e uma PS5 com o GT7 se estiveres a pensar em eSports ou em alguma competição privada lá, mas apenas por isso). Precisas de um computador capaz de correr os jogos facilmente, a 144 FPS se possível, principalmente porque agora vais renderizar três ecrãs. Sim, como estás a ler: num setup de alto nível para simulação de corridas, isso é indispensável para obter uma grande imersão. 

E, claro, para isso é necessário que adquiras um cockpit com suporte para três ecrãs. Mas não só para isso, também vais usar aqui uma estrutura de alumínio para o teu assento e para segurar o volante, que neste caso já deve ser de alta gama e tipo Direct Drive. Logitech Pro, Simucube 2 Pro ou os Fanatec de maior preço são algumas das recomendações que posso fazer. 

É verdade, tudo seja dito, que podes optar pela realidade virtual se preferires. Neste caso, o Meta Quest 3 ou o Valve Index podem ser duas opções interessantes e com boa compatibilidade, embora haja opções ainda mais caras e profissionais. Honestamente, o debate sobre se é melhor usar três ecrãs ou RV é um que se repete periodicamente e não há uma resposta clara, só tu a tens. O que mais gostares é o que deves utilizar. 

Além disso, o teu cockpit deve ser acompanhado de outros periféricos, como tablets e ecrãs adicionais com informações do veículo, mudanças de marcha extras ou travões de mão se gostas de jogos de rally, por exemplo. Também é interessante procurar software que te ajude a monitorizar a telemetria em tempo real, seja gratuito ou pago. Tudo o que te ajudar na condução será bom. 

Por último, embora possas continuar a competir nos videojogos mencionados no resto do artigo, tens que ter claro que o iRacing deve ser a tua plataforma principal. Este jogo como serviço dá-te acesso à competição online contra jogadores de todo o mundo e tem um sistema de licenças muito profissional, no qual terás que levar as coisas a sério. Até os pilotos reais de F1 e de outras categorias o usam para treinar.

Como vês, montar o melhor setup possível para simulação de corridas é um tema complexo, mas tentei resumir o mais importante neste artigo. Poderíamos debater extensivamente muitos aspectos mencionados aqui, mas queria que tivesses um guia do que deves ter em conta para moldar a equipa dos teus sonhos. O único conselho que posso dar é que tenhas paciência e que não te preocupes com os dispositivos: com um volante, pedais e um suporte, podes ser muito rápido. Vai em frente! 

post
MOFU