PcComponentes
Minha Conta

Mac o Windows: Que sistema é melhor segundo o seu uso?

Mac ou Windows? A eterna dúvida no mundo da informática. Hoje tratamos de esclarecê-la analizando para que usos é recomendado cada um destes sistemas operativos

Mac o Windows: Qual escolher?

Existem dois tipos de pessoas. Do Real Madrid ou do Barça, de tortilla de batatas com cebola ou sem cebola e, claro, de Windows ou de Mac. Estes dois sistemas operativos para computador são os mais utilizados no mundo. E neste artigo propomo-nos o desafio de esclarecer, de uma vez por todas, a dúvida sobre qual escolher.

Vantagens do PC Windows

Os PCs com Windows são, em geral, muito mais económicos do que os computadores da Apple. Além disso, o Windows pode ser instalado em qualquer computador, inclusive nos Mac com Intel (embora os últimos Mac com chip da Apple já não ofereçam essa possibilidade).

Por outro lado, o Windows é o sistema operativo mais utilizado no mundo. Isso significa que existem mais aplicações para este SO do que para Mac, assim como uma comunidade mais ampla de utilizadores que desenvolvem apps e ferramentas para este sistema.

Vantagens do macOS

O macOS é um sistema operativo exclusivo dos computadores da Apple, pelo que não pode ser instalado (pelo menos de forma oficial) em computadores que não tenham sido desenhados pela empresa. Isto tem uma vantagem evidente: está desenhado e otimizado para ser usado com componentes muito específicos, pelo que oferece uma estabilidade sem rival no mundo da informática.

Graças a isso, o desempenho geral é muito superior se o compararmos com um computador com os mesmos componentes que use Windows. De facto, é muito comum que os computadores da Apple não tenham componentes tão potentes como um PC de gama alta, mas mesmo assim, em apps profissionais não têm rival.

Mac ou Windows: qual é melhor conforme o uso?

Agora que já sabes quais são as vantagens destes dois sistemas operativos, vamos ver para que usos recomendamos cada um deles. Mas antes, uma pequena clarificação: podes usar tanto Windows como macOS para realizar qualquer uma destas tarefas.

Salvo algumas exceções, que comentaremos mais adiante, ambos os sistemas têm programas capazes de realizar as tarefas de que necessitas. Por isso, na nossa lista contaremos quais são as vantagens de cada sistema operativo conforme o uso.

Para programar e informática

Na primeira categoria temos um empate técnico. A nível profissional, existem tanto empresas que utilizam Windows como Mac para programar. Ambos os sistemas oferecem ferramentas para escrever e compilar código e opções para testar as aplicações ou os designs web.

Como já mencionámos, o Windows é o sistema operativo mais popular, pelo que a sua comunidade de desenvolvedores e o número de ferramentas de software é muito maior. Neste sentido, se queres desenvolver para Windows ou Android, é melhor apostar por este sistema operativo.

E o mesmo, mas ao contrário, no caso do Mac. Se vais programar apps para iOS ou programas de software para macOS, será mais confortável trabalhar com o sistema operativo onde depois serão executadas essas apps.

Un ordenador Mac

Para estudar

Aqui, novamente, a decisão é muito renhida, e até poderíamos adicionar à equação o uso de tablets para estudar. Mas se nos centrarmos num computador que tenha tudo assim que o tiras da caixa, qualquer Mac ganha de longe.

Com eles já tens apps de produtividade (Pages, Keynote e Numbers), ferramentas para gerir ficheiros PDF e apontamentos, classificador e editor de fotos e até uma app para gravar música ou podcast (Garageband). E tudo gratuito.

Além disso, se falamos de portáteis para estudar, a qualidade de construção dos MacBook é muito superior à dos restantes portáteis. Ao serem fabricados em alumínio, são mais resistentes e duráveis, por isso provavelmente te durarão todos os anos do secundário e da universidade a funcionar na perfeição. Por outro lado, são muito mais caros do que os portáteis Windows.

Para trabalhar

Se procuras um computador para trabalhar, a verdade é que podem servir qualquer uma das duas opções. A estabilidade do sistema operativo macOS é o seu ponto forte aqui, o que te poupará bastantes dores de cabeça a longo prazo. Este sistema operativo não bloqueia como tal e o seu desempenho geral costuma manter-se muito bem ao longo do tempo.

Por outro lado, em determinadas profissões, como arquitetura, terás que usar Windows para trabalhar com programas específicos que não estão disponíveis para Mac. Além disso, esses equipamentos são mais económicos, pelo que podes poupar bastante dinheiro se estás a começar o teu negócio.

Un ordenador con Windows

Para editar vídeo

A maioria dos estúdios e profissionais utiliza Mac para editar vídeo. Esta decisão está muito condicionada pela excelente suite de apps exclusiva para macOS, que inclui Final Cut Pro para edição de vídeo, Motion para criação de animações 3D e Color para os retoques do material gráfico.

A alternativa para Windows é usar o Adobe Premiere, o grande concorrente do Final Cut Pro, mas esta ferramenta também está disponível para Mac. E em matéria de desempenho, os novos processadores Apple Silicon são capazes de editar vídeo em 4K e exportá-lo de maneira mais eficiente e rápida.

Para produção musical

Aqui há poucas dúvidas. Embora se possa usar perfeitamente o Windows para produção musical, a grande maioria dos estúdios profissionais utiliza computadores Mac. A combinação entre o bom desempenho dos processadores da Apple com a sua app de produção musical exclusiva, Logic Pro X, faz com que os profissionais se decidam pelo macOS.

De facto, o seu principal rival, Pro Tools, que é o padrão da indústria musical, também tem uma versão para Mac que funciona na perfeição.

Para engenharias

Tanto para estudar um curso de engenharia, como para trabalhar nesta área, é muito provável que necessites de um computador com Windows bastante potente. A razão é que existem alguns programas de edição em 3D que só estão disponíveis para este sistema operativo.

Mac conta com soluções similares, e até a Autodesk se tem empenhado e lançou o AutoCAD para Mac. No entanto, a nível profissional utiliza-se muito mais o Windows do que o Mac para este tipo de usos.

Para videojogos

A Apple tem melhorado muito a sua oferta de videojogos nos últimos anos. De facto, estão a trabalhar arduamente para lançar ferramentas que ajudem os desenvolvedores a portar os seus títulos. No entanto, a realidade é que, atualmente, não pode ser comparada às opções que o Windows oferece para jogar.

As principais plataformas de videojogos, como Steam, têm um catálogo completo de títulos AAA para Windows e as principais marcas de placas gráficas e processadores otimizam os seus componentes para este sistema. Portanto, aqui não há dúvidas: se vais usar o teu PC para gaming, é melhor apostar no Windows

post
TOFU
perifericos