PcComponentes
Minha Conta

O meu computador está lento: 14 truques para recuperar a velocidade

Desesperado porque o teu computador está lento e não sabes porquê? Preparamos este artigo para encontrar possíveis soluções para o teu PC com o Windows 11, 10 ou 7 recuperar o rendimento.

O meu computador está lento: 14 truques para recuperar a velocidade

No outro dia, o meu querido pai enviou-me uma mensagem no WhatsApp a dizer: "Olha, o meu PC está muito lento e bloqueia-se. O que posso fazer?". O homem parecia estar muito preocupado, então liguei-lhe para que me explicasse o que se passava. Depois de ouvi-lo, dei-lhe alguns conselhos sobre o que podia fazer e ele pôs mãos à obra. Horas mais tarde, enviou-me outra mensagem no WhatsApp: "Obrigado, filho, agora está muito melhor". Com ícone de dançarina incluído.

A passagem do tempo, juntamente com a acumulação de lixo digital, vírus e pó, pode fazer com que um computador fique lento. É algo normal que pode ser resolvido de várias formas. E qualquer pessoa, mesmo sem muitos conhecimentos, tal como o meu pai, pode melhorar a velocidade do seu PC facilmente. Se estás nesta situação, neste artigo encontrarás causas e soluções que te ajudarão a resolver este problema.

Por que o meu computador está tão lento?

Um PC é uma máquina de tecnologia de ponta com a qual podemos fazer milhares de coisas. No entanto, como qualquer máquina, vai-se deteriorando com o tempo devido a vários fatores. O que acontece se não realizarmos uma manutenção regular a um carro? Acabará por falhar, certo? Com o computador acontece o mesmo.

Manter o teu PC num estado ótimo é crucial para que funcione rápido e sem erros. Se não o fizermos, o resultado é óbvio: a velocidade inicial do teu computador irá diminuir até ao ponto de ser desesperante. Durante este processo, podem ocorrer várias coisas que irão piorar a sua saúde, como por exemplo:

  1. Programas: À medida que usamos o computador, vamos instalando mais e mais programas. Mesmo sem os utilizarmos, alguns processos podem executar-se em segundo plano, consumindo recursos. Isto pode fazer com que o teu computador fique mais lento.

  2. Incompatibilidade: Os programas e jogos de PC têm certos requisitos de hardware e software. Se um computador não os cumprir, provavelmente não funcionará de forma ótima. Assim, se o teu computador está muito lento com alguns programas, pode ser simplesmente porque não cumpre os requisitos.

  3. Vírus: Uma das maiores ameaças para a velocidade do teu PC são os vírus/malware. Estes instalam-se sem a tua permissão e podem consumir recursos sem te aperceberes. Além disso, podem até roubar-te informações importantes, como os teus dados bancários. É preciso ter muito cuidado.

  4. Sujidade interna: Tal como o pó se acumula nas tuas prateleiras, estas partículas também se depositam dentro da caixa do teu computador. A sujidade interna, especialmente nas áreas de ventilação, pode fazer com que a temperatura do PC suba. Isto afeta o seu funcionamento.

  5. Disco rígido: Se tens um disco rígido HDD, pode ser que tenha chegado a hora de o substituir. Além de serem muito mais lentos que um SSD, as peças de leitura e escrita desgastam-se, fazendo com que a velocidade diminua progressivamente.

  6. Rede: Por vezes, algumas pessoas pensam que o seu computador está lento, mas na verdade o que está lento é a sua conexão à internet. É necessário assegurar que o sinal Wi-Fi chega com suficiente potência ao local onde está o teu computador. Se estás ligado por cabo, verifica se está em bom estado e bem ligado.

  7. Tempo: A passagem do tempo é inexorável para todos, inclusive para as máquinas. Um computador tem uma vida útil de entre 5 a 10 anos, e embora possa continuar a funcionar, o desgaste e uso das suas peças reduz a sua capacidade. Além disso, se formos instalando software mais moderno, encontramo-nos com o problema da incompatibilidade.

Un hombre desesperado porque su PC va lento

Como fazer para que o computador fique mais rápido? 14 truques para aumentar o desempenho

Precisas que o teu computador fique mais rápido mas não sabes como fazê-lo? Calma, estamos aqui para ajudar. A seguir, deixo-te 14 conselhos que te ajudarão a melhorar a velocidade do teu computador. Se colocares alguns deles em prática, garanto que o teu computador ficará um pouco (ou muito) mais rápido.

1.Desinstala programas que já não usas

Começa por desinstalar programas que já não utilizas, especialmente aqueles que sejam mais pesados. Isto permitirá libertar memória e ganhar fluidez. Pode ser que elimines algum processo em segundo plano que está a consumir recursos sem saberes. No entanto, não apagues as pastas dos programas de forma aleatória, isto pode causar mais problemas.

O mais simples é utilizar a ferramenta “Adicionar ou remover programas” do Windows. Podes encontrá-la no Painel de Controlo ou usando a pesquisa. Aconselho-te a ordenar por tamanho, do maior para o menor, e começar a eliminar aqueles que não usas. Também podes ordená-los por data de instalação para saber quais usas mais frequentemente.

2.Passa um antivírus

Quando um computador está muito lento, os vírus e programas maliciosos são um dos problemas mais comuns. A solução está nos antivírus, que nos ajudam tanto a proteger o nosso PC de forma preventiva como a detetar e eliminar possíveis ameaças.

O Windows incorpora o seu próprio antivírus sob o nome de Windows Defender. Aconselho-te a aceder ao Painel de Segurança do Windows e executar um exame completo. Podes encontrar esta opção em “Proteção contra vírus e ameaças > Opções de exame > Exame completo”. Outra opção é usar antivírus gratuitos como Avast ou AVG, ou ferramentas mais específicas como Malwarebytes Anti-Malware Free.

3.Instala um limpador de arquivos

Sempre que fazemos qualquer ação no nosso computador, a informação vai sendo armazenada num registo. Da mesma forma, cada vez que apagamos um ficheiro ou desinstalamos um programa, podem ficar alguns restos e arquivos temporários. Tudo isso pode tornar o computador um pouco mais lento.

Para eliminar o que se conhece como lixo digital, aconselho instalar um limpador de arquivos como o CCleaner. Este tipo de programas escaneiam o teu PC e encontram todos esses ficheiros com apenas alguns cliques. Executando o limpador, poderás liberar um pouco de espaço no disco rígido e aliviar a carga do processador.

4.Liberta espaço no teu disco rígido 

Embora o disco rígido seja para armazenar todos os dados que couberem, na prática, isso pode fazer com que o teu computador fique mais lento, especialmente quando nos aproximamos do limite de capacidade. Imagina que tens de mover uma gaveta repleta até ao topo vs. uma que está meio cheia. Qual oferecerá menos resistência?

A solução aqui é simples. Navega pelos ficheiros do teu PC e apaga aqueles que não queiras ou uses. Também podes guardar ficheiros que desejas manter numa memória USB, disco rígido externo ou utilizando um serviço de armazenamento na nuvem gratuito. Podes ainda usar a ferramenta “Libertar espaço em disco” incluída no Windows, que te ajudará a eliminar registos e arquivos temporários.

5.Reduz o número de programas que iniciam ao ligar o PC

Pode ser que um dos maiores problemas seja que o teu computador esteja muito lento ao arrancar. Isto é algo bastante comum, pois quanto mais programas temos instalados, mais processos têm de ser carregados ao iniciar o Windows. Mas não te preocupes, porque tem uma solução fácil.

Utiliza a pesquisa do Windows e introduz “Aplicações de início”. Abrirá um painel com a lista de programas que se carregam durante a fase de arranque. Basta desativar aqueles que não precisas ou não usas. Se houver algum programa que não saibas o que é, podes procurar no Google para saber a que corresponde.

6.Configura a poupança de energia

O Windows traz por defeito várias opções referentes à poupança de energia. São soluções que permitem economizar eletricidade e manter o nosso computador em bom estado. No entanto, consumir menos recursos está diretamente ligado a um menor desempenho. Se o teu computador está lento, pode ser que não te interesse ter estas opções ativadas.

Para isso, entra no Painel de Controlo e procura a opção “Energia e bateria”. O Windows facilita muito a escolha das opções conforme as tuas preferências. Neste caso, o melhor seria selecionar todas aquelas que priorizam um maior desempenho. Certifica-te de que a opção “Modo de Energia” está em “Máximo desempenho”.

7.Reduz os efeitos visuais

Embora os efeitos visuais do Windows sejam muito estéticos, consomem muitos recursos e podem afetar o desempenho. Todos queremos desfrutar de um computador com um aspeto moderno, mas se isso implicar perder velocidade, o melhor que podes fazer é desativar algumas opções. E acredita, nota-se muito.

Podes modificar os efeitos visuais do Windows em Configurações > Sistema > Configurações avançadas do sistema > Desempenho. Se clicares no botão de configuração, poderás personalizar as animações, transparências, sombras, etc. Podes ir experimentando até encontrar o equilíbrio.

8.Procura atualizações 

As atualizações do Windows têm várias funções: novas aplicações, segurança, correção de erros… Mas os desenvolvedores da Microsoft também se esforçam em otimizar o desempenho do sistema. Portanto, procurar e instalar atualizações pode ajudar a que o teu computador funcione um pouco melhor.

Para verificar se há atualizações disponíveis, basta entrares no separador “Procurar atualizações” dentro da Configuração do Windows. Caso tenhas alguma pendente, instalar-se-á automaticamente. Também podes configurar para que se instalem automaticamente assim que sejam lançadas.

9.Melhora a ventilação

Quando a temperatura do teu PC sobe demasiado, a saúde dos seus componentes é afetada. E o teu computador é suficientemente inteligente para saber isso. Para prevenir danos, baixa a velocidade e o desempenho. É por isso que quando a ventilação é deficiente, o PC pode parecer lento. Uma solução caseira é usar um ventilador externo.

Também podes abrir a caixa do teu computador e eliminar a sujidade acumulada. Para isso, podes usar um spray de ar comprimido ou um aspirador especial para eletrónica. A primeira opção é a mais recomendada, pois reduz o risco de danificar algum componente. Se depois de limpo o PC continuar a aquecer muito, pode ser necessário substituir o ventilador ou até mudar a pasta térmica do processador.

10.Muda para um SSD

Esta é uma solução extrema mas muito eficaz. Se usas um disco rígido do tipo HDD, o mais provável é que o desempenho do teu computador se tenha reduzido muito ao longo do tempo. Substituí-lo por um SSD permitirá aumentar a velocidade do teu PC de forma notória. É o mesmo que trocar um carro antigo por um moderno.

A instalação de um SSD é algo bastante simples e que não demorará mais de uma hora. Existem várias marcas e modelos à venda, assim como diferentes capacidades. Escolhe aquele que mais te convier, mas mesmo os mais baratos notarás uma grande diferença. Uma vez instalado, só precisas de clonar o disco rígido antigo e passar toda a informação para o novo.

11.Amplia a memória RAM

Outra solução extrema é ampliar a memória RAM. O trabalho do processador é armazenar dados temporários em cada ciclo, o que implica copiar e mover informações uma e outra vez. Ao aumentar a memória RAM, permitimos armazenar mais dados de cada vez, aliviando a carga do processador.

Ampliar a memória RAM do teu computador é tão simples como instalar o novo módulo na motherboard. Certifica-te de escolher um modelo compatível com a tua configuração. Se não sabes qual, podes consultar a documentação do fabricante ou fazer uma pesquisa online com o modelo do teu PC.

    12.Limpa o pó interno

    Já te expliquei o papel que o pó pode ter num computador. Se tudo o resto não te funcionou, ou queres continuar a otimizar o teu PC, convido-te a abrir a torre do teu computador de secretária. Se nunca a abriste, pode ser que te assustes com a quantidade de pó acumulado no interior.

    A primeira coisa que deves fazer antes de limpá-lo é desconectá-lo da eletricidade e movê-lo para um local bem ventilado. O ideal é usar uma pulseira antiestática, já que a eletricidade que geramos naturalmente pode danificar os componentes. Também podes tocar uma superfície metálica para te "descarregar" ou usar luvas de látex. Para limpar, podes usar um pincel pequeno e ar comprimido.

    13. Analisa o gestor de tarefas

    Se nunca usaste o gestor de tarefas, deves saber que se trata de uma das melhores utilidades do Windows. Esta mostra todos os processos abertos no computador, indicando quantos recursos cada um deles consome. Podes aceder ao gestor de tarefas através do buscador do Windows ou pressionando ALT+CTRL+DEL.

    E o que deves fazer aqui? Deves analisar um pouco os processos que estão a consumir mais memória e CPU. Desta forma, podes identificar a causa dos teus problemas. Isto permite-te finalizar processos que não estás a usar ou descobrir quais os programas que consomem mais, seja para deixares de usá-los, eliminá-los ou procurar uma alternativa mais adequada para o teu PC.

    14. Formata o computador

    Se nada do anterior te funcionou, o truque que nunca falha é formatar o computador. Isto vai devolvê-lo ao seu estado original a nível de software, o que aumentará o seu desempenho e eliminará os problemas que possa haver. É uma medida drástica, pois implica apagar todo o conteúdo, por isso coloquei-a como última opção.

    Para formatar o teu PC, primeiro deves guardar tudo o que não queres perder, embora as últimas versões do Windows permitam manter alguns dados conforme o modo escolhido. Recomendo que faças uma formatação completa. Por outro lado, vais precisar de criar um meio de instalação, podes descobrir como fazê-lo aqui. Depois, segue o nosso guia de instalação do Windows 10 para completar o formato.

    O meu PC está lento com o Windows 11: O que posso fazer?

    Se acabaste de instalar o Windows 11 e notas que o teu PC está lento, é provável que o teu computador não tenha o hardware adequado para executá-lo. Lembra-te de que o Windows 11 é a versão mais atual do sistema operativo da Microsoft, por isso, se o teu computador for um pouco antigo, é provável que não consiga ter um desempenho adequado.

    Requisitos mínimos do Windows 11

    Processador

    1 GB Hertz (GHz) ou mais rápido com 2 ou mais núcleos num processador de 64 bits compativel ou sistema num chip (SoC).

    RAM

    4 GB

    Espaço no disco

    64 GB

    Placa Gráfica

    Compativel com DirectX 12 ou posterior com controlador WDDM 2.0.

    Ecrã

    Alta definição (720p) de mais de 9" na diagonal, com canal de 8 bits por cor.

    Firmware do sistema

    UEFI, compativel com Arranque seguro.

    TPM

    Módulo de plataforma segura (TPM) versão 2.0

    Para verificar qual hardware o teu PC tem, podes consultar o manual original ou aceder às informações do sistema no Windows. Aqui encontrarás todos os detalhes. Se o teu PC não cumprir os requisitos, o melhor é tentar com uma versão anterior, como por exemplo o Windows 10. Se o teu PC cumprir com os requisitos, então segue os conselhos anteriores para otimizar o seu desempenho.

    Se não sabes o que está a acontecer ou achas que não consegues resolver por ti mesmo, lembra-te que podes sempre recorrer ao serviço de suporte técnico da PcComponentes.

    O meu PC está lento com o Windows 10

    Outra possibilidade é já teres o Windows 10 instalado e, mesmo assim, o teu computador funcionar lentamente. As causas podem ser semelhantes às que já mencionámos no artigo: não cumpres os requisitos de hardware, o teu PC está sobrecarregado de ficheiros e programas, está infetado por um vírus... Aconselho-te novamente a rever todos os pontos mencionados no artigo.

    O Windows 10 é um sistema operativo muito bem otimizado, por isso, se o teu PC for relativamente moderno (de 2015 em diante), este deveria funcionar corretamente. Aconselho-te a verificar os requisitos mínimos e tentar colocar em prática o que aprendeste, incluindo a instalação de componentes mais rápidos.

    Requisitos mínimos do Windows 10

    Processador

    Processador a 1 GHz ou mais rápido ou sistema num chip (SoC)

    RAM

    1 GB para 32 bits ou 2 GB para 64 bits

    Espaço no disco

    16 GB para um SO de 32 bits o 32 GB para um SO de 64 bits

    Placa gráfica

    DirectX 9 ou posterior com um controlador WDDM 1.0

    Ecrã

    800x600

    O meu PC está lento com o Windows 7

    Se tens um computador com Windows 7 que está lento, a situação complica-se ainda mais. Este sistema operativo já tem muitos anos, o que significa que provavelmente o teu PC também os terá. Revitalizar máquinas tão antigas é complicado, pois o tempo e o uso contínuo terão desgastado os seus componentes. Além disso, o Windows 7 já não recebe atualizações por parte da Microsoft, o que pode ser perigoso em termos de segurança.

    A primeira coisa que faria seria seguir todos os passos anteriores, mas sem complicar muito. Se vês que não melhora aplicando alguns pontos, passaria à opção de formatar, seja instalando novamente o Windows 7 ou optando por outro sistema operativo mais leve como o Linux Mint. Instalar um disco SSD também é uma excelente opção (recomendo 100%).

    Se tudo isto te soa a chinês, não queres complicar-te ou estás cansado do teu PC, neste caso a melhor opção é comprar um computador novo. Eu aconselho que dês uma vista de olhos aos PcCom. São computadores de sobremesa criados e personalizados pelos especialistas da PcComponentes, sempre com um funcionamento ótimo em mente ao melhor preço. Há muito boas opções por muito menos do que pensas, e até podes financiá-lo.

    post
    TOFU
    ordenadores